Boa noite!  Segunda 18/12/2017 18:06

• 10/10/2017 - terça-feira

Assembleia orienta trabalhadores
sobre medidas de segurança

Nosso Sindicato promoveu hoje (10) ato na empresa Komatsu (Arujá). A manifestação é consequência de acidente de trabalho, que resultou na morte do eletricista Emerson Vieira de Souza, de 41 anos. No dia 15 de setembro, ele caiu do alto de uma escada, sofrendo forte impacto e um corte na parte de trás da cabeça. Foi hospitalizado, mas não resistiu aos ferimentos, vindo a falecer dia 24 de setembro.

O Sindicato está prestando assistência à família de Emerson, que era sindicalizado. Já fizemos também reunião com a Komatsu, que assumiu o compromisso de cumprir integralmente as responsabilidades legais da empresa.

Ato - Nesta terça, logo nas primeiras horas da manhã, o Sindicato fez assembleia com os cerca de 150 funcionários da empresa. Nossos diretores informaram a todos sobre o ocorrido com Emerson, as providências já tomadas e o que, à luz da lei e das Normas Regulamentadoras (NRs), precisa ser feito para evitar acidentes de trabalho, especialmente aqueles de deixam sequelas, mutilam ou matam.

Nosso diretor Elenildo Queiroz Santos (Nildo), que responde pelo Departamento de Segurança e Saúde no Sindicato, diz: "No caso do companheiro Emerson, não foram respeitadas integralmente as normas de segurança. A empresa não pode se preocupar apenas em produzir ao máximo, sem dar a devida segurança aos funcionários".

Também participaram da assembleia o presidente do Sindicato, José Pereira dos Santos, e os diretores Antonio Francisco da Silva (Fala Mansa), Augusto Knupp, José Carlos Santos Oliveira (Chorão).


Diretor Nildo, coordenador do departamento de saúde do Sindicato, fala aos companheiros da fábrica

NR-35 - Na manifestação, o Sindicato orientou sobre a Norma Regulamentadora 35 (NR-35), que estabelece requisitos mínimos e medidas de proteção para o trabalho em altura. Trabalho nessas condições exige planejamento, organização e execução, de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores envolvidos direta ou indiretamente nesse tipo de atividade.

O diretor Nildo critica a falta de segurança. Ele diz: “O Brasil é um dos recordistas mundiais em acidentes. Infelizmente, a Komatsu colabora com essa triste estatística, pois já houve, no passado, outro acidente fatal na empresa”.

Campanha Salarial - Nosso presidente Pereira falou aos companheiros sobre a Campanha Salarial da categoria. Ele afirma: "Lutamos por aumento real de salário, mas principalmente pela renovação da Convenção Coletiva, para impedir que direitos sejam retirados pela reforma trabalhista. Uma das garantias é justamente sobre segurança no trabalho. Podemos perder essa importante garantia".


Presidente Pereira destaca importância da renovação da convenção coletiva


Apoio - Os encaminhamentos feitos pelo Sindicato foram apoiados por unanimidade pela assembleia.