Boa tarde!  Quinta 20/09/2018 17:39
• 13/3/2018 - terça-feira
Participação será paga agora
em março e abril aos funcionários


O Sindicato fechou mais um belo acordo de Participação nos Lucros e/ou Resultados (PLR). Os beneficiados são os cerca de 160 funcionários da Rotocrom (Terra Preta, Mairiporã), fabricante de embalagens flexíveis, embalagens de segurança, setor moveleiro, rótulos e etiquetas.

A proposta foi aprovada em assembleia na manhã desta terça (13), conduzida pelo nosso vice-presidente Josinaldo José de Barros (Cabeça) e os diretores Josete Machado Filho (Pepe) e Ricardo Pereira de Oliveira, com apoio do assessor João.

Outra boa notícia para os companheiros: além do aumento no valor, que pode chegar a R$ 1.009,67, está garantido pagamento mínimo de R$ 908,70 para todos os funcionários.

Nosso diretor Ricardo, que coordena nossa subsede em Mairiporã, diz: “A participação dos oito trabalhadores da comissão de fábrica foi decisiva na negociação. A proposta foi aprovada por unanimidade”. A Participação será paga em março e abril.

Os trabalhadores da empresa, que pertence ao Grupo 10 patronal – único que não fechou acordo com a Federação dos Metalúrgicos durante nossa Campanha Salarial devem avaliar ainda hoje uma proposta de reajuste salarial e renovação da Convenção Coletiva. O Sindicato negociou individualmente e apresentará o resultado à avaliação dos funcionários.

Fabrima - O Sindicato também está negociando benefícios para os 160 trabalhadores da Fabrima (Bonsucesso). Os companheiros aprovaram na segunda (12) uma pauta de reivindicações, com prazo de cinco dias para a empresa responder.

Os metalúrgicos reivindicam que os seus dependentes tenham direito a utilizar o convênio médico do titular sem custos adicionais; que seja negociada a PLR do ano passado; e sejam regularizados os depósitos do Fundo de Garantia, que estão há dois anos sem atualização.


Diretores Ricardo e Cabeça conduzem assembleia com os trabalhadores da Rotocrom