Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região
Telefone (11) 2463.5300 / E-mail sindicato@metalurgico.org.br

 

• 7/11/2019 - quinta-feira

Assembleia da Campanha Salarial aprova
aumento e a garantia dos direitos

Saem os primeiros acordos da Campanha Salarial. Assembleia na sede do Sindicato, na noite da quinta (7), aprovou as contrapropostas apresentadas por cinco grupos patronais nas negociações com a Federação. Em todos os grupos, o aumento fechado e aprovado é de 3%.

A assembleia deliberou sobre propostas do Sindipeças, Sindiforja, Simpa (Grupo 3), Sindimaq e Sinaees (Grupo 2), Sicetel, Siescomet, Simefre, Sinafer (Grupo 19-3), e Fundição (Independente). Tais acordos cobrem cerca de 80% da nossa base, em Guarulhos, Arujá, Mairiporã e Santa Isabel.

Abonos - A negociação coletiva também obteve dois abonos salariais, de 3% cada - total de 6% - a serem pagos neste ano, ainda. Já o reajuste geral, de 3%, pra salários e Pisos, vale a partir de janeiro.


Companheiros aprovam reajuste salarial em assembleia no auditório da sede

Pereira - Para o presidente José Pereira do Santos, na atual conjuntura nacional, os ganhos dos acordos são efetivos. Ele diz: “É um índice modesto, mas supera a inflação, que ficou em 2,55%. Se houvesse condições de avançar mais, teríamos avançado. Valorizo muito termos mantido a Convenção Coletiva e preservado todos os direitos”.

Todos - Meta agora é levar o acordo a todos os setores da base. Pereira diz: “Se não chegarem ao mesmo reajuste e não houver acordo, vamos negociar por empresa. Sem negociação, faremos greve”.


Presidente Pereira apresenta proposta patronal aos companheiros

Trabalhador - Metalúrgico há 31 anos, Antônio Etelmínio da Silva ficou satisfeito. Ele diz: “Diante da situação que o trabalhador se encontra hoje, pra nós, que estamos reivindicando sempre, o reajuste foi satisfatório. É pouco em relação ao que pegamos há cinco anos, mas achei razoável”. Ele ainda falou sobre a Convenção: “Renovar é fundamental. Muitos não têm noção da luta do Sindicato pra defender as cláusulas que garantem nossos direitos”.


Antônio Etelmínio da Silva é metalúrgico há 31 anos

 

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home
Receba nossa Newsletter: Nome Email