Boa tarde!  Quarta 28/06/2017 14:26

Coluna do Paulinho

Atos por mais
direitos no dia 25



LEIA - Artigo semanal de Paulo Pereira da Silva, presidente da Força Sindical e deputado federal por SP.

Coluna do Paulinho

Mobilizar
ainda mais!

  

LEIA - Artigo semanal de Paulo Pereira da Silva, presidente da Força Sindical e deputado federal por SP.

Palavra do Pereira

Cuidar bem das
nossas crianças

Sempre admirei pessoas, entidades e governantes que protegem a infância e combatem a exploração. Fui menino muito pobre e desde pequeno tive de trabalhar em lavouras e carvoarias. Corri riscos graves e, certamente, muitos dos pequenos trabalhadores do meu tempo contraíram doenças ou sofreram mutilações.

Reduzir muito os juros
para o País crescer



LEIA - Artigo semanal de Paulo Pereira da Silva, presidente da Força Sindical e deputado federal por SP.

Palavra do presidente

Mídia
e democracia

A grande mídia está muito longe de cumprir o seu papel constitucional. Entre as omissões dessa mídia eu aponto a falta de debates. Observe que, mesmo em programas de debate, muitas vezes são escaladas pessoas que defendem as mesmas ideias, impedindo o exercício do contraditório, que é um valor básico para a liberdade de expressão.

Coluna do Miguel

Basta de juros
nas alturas!



Força Sindical, ao lado da CGTB e de movimentos sociais, marcaram para o dia 2, primeiro dia da reunião do Copom, às 10 horas, em frente à sede do Banco Central, em São Paulo, um ato de protesto contra o aumento dos juros.

Coluna do Miguel

1º de Maio:
Mais Direitos com
Crescimento Econômico



Na próxima sexta, a Força Sindical – pelo 18º ano consecutivo – estará realizando a maior festa de trabalhadores de todo o País. Trata-se da comemoração do 1º de Maio, o Dia do Trabalho, evento que reunirá mais de 1 milhão de trabalhadores, das 9 às 15 horas (horário diferente das edições anteriores), na praça Campo de Bagatelle, próximo à estação Santana do Metrô.

Apostar no desenvolvimento com valorização do trabalho


Sem uma política voltada para o desenvolvimento do Brasil com valorização do trabalho, o País não vai crescer de forma sustentada com distribuição da riqueza e com redução da desigualdade social.

Unidade é o caminho para enfrentar a ofensiva patronal


O sindicalismo brasileiro vai enfrentar grandes desafios  em 2014. Um dos principais será a manutenção da  unidade de ação num ano marcado pelas eleições gerais.

Palavra do presidente

Importância da Justiça

O Poder Judiciário é um dos pilares do Estado de Direito. Seu grau de autonomia ajuda a definir a própria qualidade do regime democrático. Por isso, na época da ditadura, uma das nossas bandeiras era exatamente voltar a assegurar ao Poder Judiciário condições de exercer suas funções legais.

Coluna do Miguel

Centrais intensificam luta por direitos



Em vez de penalizar os trabalhadores com a retirada de direitos, o governo deveria tomar medidas que realmente possam “corrigir as distorções e fraudes”, como por exemplo a instituição do imposto sobre grandes fortunas.

Palavra do Pereira

Lazer é direito fundamental



Cidades de origem operária, como Guarulhos, crescem quase sempre sem planejamento e repletas de carências. Uma dessas carências é a ausência de opções de lazer. Leia

Palavra do Pereira

Agora é Dilma!



Não tenho dúvidas sobre a seriedade de Dilma Rousseff, cuja vida é um exemplo de luta. Também conheço sua competência técnica e administrativa, desde que era secretária de Estado no Rio Grande do Sul, mas, especialmente, como principal auxiliar do belo governo do presidente Lula.

Palavra do Pereira

Economia forte torna o Brasil mais justo

O Brasil já teve períodos sem eleição. Já viveu períodos de eleições em meio a graves crises. E, agora, felizmente, fará o segundo turno da eleição presidencial com o País crescendo e distribuindo renda. 

Palavra do Pereira

Obrigado, e vamos em frente!

Na volta a este espaço em nosso site, quero saudar os trabalhadores e trabalhadoras, bem como as demais pessoas que nos visitam, e também agradecer o companheiro Josinaldo José de Barros (Cabeça), que me sucedeu no Sindicato durante o período em que me afastei por conta da campanha a deputado estadual. 

Palavra do Pereira

A importância do movimento sindical

O movimento sindical é a única organização da sociedade cuja atuação significa, sempre, ganho econômico, preservação de direitos ou melhoria das condições de trabalho e de vida das pessoas.

Palavra do Pereira

Mais que um feriado

Dia 20, Dia da Consciência Negra, não haverá expediente no Sindicato, tanto na sede em Guarulhos quanto nas subsedes de Arujá e Mairiporã.

Palavra do Pereira

Compromisso com a juventude

O Sindicato promove, dia 20 de setembro, o 5º Encontro da Juventude Metalúrgica, no Bosque Maia, avenida Paulo Faccini.

Mais de 40 mil participam em Brasília da 4ª Marcha dos Trabalhadores

Coluna do Miguel

Apesar dos problemas, o ano ainda foi positivo para os trabalhadores

O movimento sindical encarou vários desafios este ano e saldo do enfrentamento entre capital e trabalho foi positivo para nós.

Coletiva dos Metalúrgicos de Guarulhos sexta(7)faz balanço da campanha 2007 e dos ganhos de PLR

O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região realiza entrevista coletiva sexta (7), às 14h30, para divulgar o balanço da Campanha Salarial 2007 e dos ganhos no ano com a PLR - Participação nos Lucros e/ou Resultados das empresas. Será no Hotel Mônaco, à rua Diogo de Farias, 137, Guarulhos. Os dados e explicações serão passados pelo presidente José Pereira dos Santos, o advogado da entidade, Marcílio Penachioni, e o economista do Dieese (subseção do Sindicato), Saulo Aristides. 

Aumento real da categoria soma 12,54% de 2001 a 2007



Os Metalúrgicos vêem recuperando o poder de compra dos salários. Este ano o aumento real geral foi de 2,55%. Como o INPC deu 4,58%, o reajuste geral será de 7,45%.

Tem mais: os Metalúrgicos receberão abono salarial de 19%, representando, também, aumento da massa salarial. Para os Pisos, que variam conforme o setor onde a empresa atua ou o número de funcionários, o reajuste médio supera os 10%.

Releases

Justiça garante R$ 15 milhões a metalúrgicos da Persico
17/10/2007

Cerca de 700 empregados e ex-empregados da Persico Pizzamiglio (bairro Cumbica, Guarulhos) começam a receber amanhã em torno de R$ 15 milhões de verbas rescisórias. O pagamento encerra uma luta judicial de mais de 10 anos, após a decretação da falência da empresa. Hoje, a Pérsico funciona em recuperação judicial. Os valores são diferentes para cada trabalhador. Nesta quarta (17), serão entregues os primeiros cheques, de valor único de R$ 4 mil, para os contemplados com na vitória da Justiça. O Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região representa 352 metalúrgicos que ingressaram com ação. O restante é representado por advogados particulares.

O presidente do Sindicato, José Pereira dos Santos estará amanhã (quarta), às 11 horas, na sede da Persico, para acompanhar a entrega dos cheques. Ele afirma: “Após tantas lutas, quero compartilhar com os trabalhadores esse momento vitorioso e feliz”. O advogado do Sindicato, Marcílio Penachioni, explica: “Todos receberão uma primeira parcela, de R$ 4 mil. A partir daí, os valores serão pagos mensalmente. Cerca de 60% dos metalúrgicos receberão tudo a que têm direito em até um ano. O restante, em até 30 meses. Os valores serão corrigidos”.

História -
A ação na Justiça começou em 1996, quando foi decretada a falência da Persico. O diretor do Sindicato e ex-funcionário da empresa, Juscelino Marcelino Moreira, conta: “Sempre acreditamos na Justiça. Agora, é só comemorar”.