Sindicato dos Metalúrgicos de Guarulhos e Região
Telefone (11) 2463.5300 / E-mail sindicato@metalurgico.org.br

 

• 29/11/2019 - sexta-feira

Com mais um acordo fechado, Convenção
cobre mais de 90% da nossa base

Os acordos fechados na Campanha Salarial já beneficiam mais de 90% dos trabalhadores da base. As negociações, conduzidas pela Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, nosso Sindicato e demais filiados, foram concluídas em 10 grupos patronais.

Nesta quinta (28), nosso presidente José Pereira dos Santos assinou acordo com mais um grupo, o Siniem (Sindicato Nacional da Indústria de Estamparia de Metais).

Pereira destaca: “Foram concluídos os acordos com a maioria dos grupos patronais, faltando apenas Sindisider (distribuição de produtos siderúrgicos) e Grupo 10. Agora, vamos negociar individualmente com as empresas dos grupos que não fecharam o acordo coletivo”.  


Na sede da Federação, presidente Pereira assinou mais um acordo

Como ficaram os dez acordos:

Sicetel/Siescomet - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.040,22, com fixo de R$ 271,21. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.040,22). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Simefre-Sinafer - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.320,00, com fixo de R$ 279,60. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.320,00). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Fundição - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro. As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindipeças - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.000,00, com fixo de R$ 270,00. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.320,00). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindimaq/Sinaees - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.591,33, com fixo de R$ 287,74. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.591,33). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindratar - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.320,00, com fixo de R$ 279,60. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.320,00). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindal - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 9.110,00, com fixo de R$ 273,30. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro (teto de R$ 9.110,00). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindifupi - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro. As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Sindimotor - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 29 de novembro; 3% até 20 de dezembro. As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.

Siniem - O reajuste será de 3% a partir de 01/01/2020 sobre os salários de 31/10. O teto é de R$ 8.635,43, com fixo de R$ 259,06. O abono salarial de 6% será pago em duas parcelas: 3% até 05 de dezembro de 2019; 3% até 20 de dezembro de 2019 (teto de R$ 8.635,43). As empresas que optarem em conceder reajuste em 1º de novembro deste ano ficam desobrigadas do pagamento do abono.


Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home
Receba nossa Newsletter: Nome Email